07 abril 2018

"Um café e você em Paris"-Resenha

Olá amados! Tudo bem com vocês? Desejo que sim, peço que preparem o coração de vocês, que hoje tem resenha de um dos livros mais ansiados por mim, para compartilhar com vocês, estava contando as horas para finalmente contar como o livro me cativou de maneira estratosférica, é claro que estou falando de Um café e você em Paris spin-oof do livro "Um café e você, para viagem"—tem resenha dele aqui no blog Clicar aqui .
Obs: Leiam essa resenha ouvindo  Jessie Ware - Say You Love Me






Link: Um café e Você, em Paris:



Aqui a escritora Raquel Rasinhas conta o que aconteceu quando a nossa querida Rebeca viajou para a cidade dos sonhos, para acrescentar mais experiência em seu maravilhoso currículo—chega de spoilers—.  E foi lindo de ver como o amor foi retratado, afinal um relacionamento a distância enfraquece o amor?


Não é novidade para ninguém sobre a minha imensa paixão pelo gênero hot, e mais ainda pelas obras da escritora Raquel, com uma escrita diferenciada, mostrando o melhor do romance hot, uma das coisas que sempre disse é que eu simplesmente amo como as personagens femininas são representadas em suas obras.

 Ela mostra mulheres fortes, guerreiras, trabalhadoras e ao mesmo tempo,  sensuais, sexy, delicadas,uma verdadeira mistura da mulher real, com medos, inseguranças, com personalidade forte e frágil, mas sempre verdadeira. E a Rebeca representa perfeitamente esse lado ,  determinada, focada, responsável, livre e independente.


É lindo de ver esse tipo de personagem, a que sabe o que quer, que luta, que corre atrás, a mulher independente, a Rebeca sempre foi aquela que corre atrás do que quer, e isso a fez chegar até onde ela está. —Inspiração danada em?—



E o Dominic—aaaaaa eu estava louca de saudades do meu boy magina, homão da porra!!!— mesmo com o passar do tempo, continua com a sua verdadeira essência—mais maduro— mas o mesmo Dom, determinado, envolvente, carinhoso, corajoso, decidido e focado nos seus objetivos. uma pessoa protetora, leal e um pouco cabeça dura, que eu vi amadurecer absurdamente após conhecer a Becca.



E em Um café e você em Paris, eu só pude constatar mais ainda o tamanho do crescimento de ambos, pois mesmo com a distância impostas a eles, eu vi duas pessoas que se amam enfrentar um verdade dura, o amor pode mesmo superar a distância? 

Dominic e Rebeca me fizeram acreditar que sim, que a distância é só algo para provar ainda mais a intensidade do amor verdadeiro, da amizade e companheirismo, que a confiança é algo tão valioso, vi dois casais aprendendo uma nova forma de se amar, aumentando a cumplicidade de ambos.



O romance desse livro ultrapassa de ser maravilhoso,  vi conflitos de um casal de verdade, coisas que pode acontecer na vida real, é isso é o que me encanta nós livros, que mesmo sendo uma fuga do mundo real, eu amo ver particularidades , essa mistura da fantasia e real, é a Raquel soube dosar isso tão bem. 
A conexão de ambos é surpreendente, é tudo se torna mais intenso ainda nas cenas hots, uma entrega sem igual, foi marcante, com uma veracidade, foi cativante e arrebatador. 



Eu não esperava nada menos dessa autora, que a cada dia que passa mostra seu potencial, mostra a sua marca na literatura nacional, a Raquel tem uma narrativa tão forte, tão apaixonante, com uma personalidade própria,uma particularidade no modo de escrita, que deixa aquele gosto de quero mais, um romance hot tão fascinante, tão incrível, cativante, envolvente.


Parabenizo a autora por uma obra de tirar o folego!!





Um comentário:

  1. Ai meu coraçãozinho não aguenta �� é muita emoção. A felicidade em ver que todas as emoções e sentimentos que colocamos nos livros é recebido pelos leitores. Obrigada por esse amor e carinho. #RebecaNosRepresenta

    ResponderExcluir